• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • MPT oferece curso a distância gratuito para conselheiros tutelares
  • ATENDIMENTO






  • 17-MINISTÉRIO-1936A-TRABALHO INFANTIL-OUTDOOR APOIADORES 9X3M - FINAL
  • BUSDOOR-FACE
  • Assédio-Moral slide
  • artigoleomar

MPT oferece curso a distância gratuito para conselheiros tutelares

As inscrições vão até o dia 13 de julho. A capacitação será no formato de educação a distância.

 

25/06/2018 - O Ministério Público do Trabalho (MPT), por meio da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Coordinfância), e com o apoio do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas/DGP, promoverá, de 6 de agosto a 6 de setembro, o curso a distância gratuito “Conselheiros Tutelares: importantes atores no combate ao trabalho infantil”. As inscrições estão abertas até o dia 13 de julho pelo site https://ead.mpt.mp.br/.

O curso é voltado a todos os conselheiros tutelares que atuam nos estados brasileiros e a demais interessados no tema – nesta ordem de prioridade. A metodologia utilizada será a de videoaulas, com a realização de atividades no ambiente virtual de aprendizagem.

Estão sendo ofertadas 1000 vagas. A seleção dos participantes se dará mediante ordem de inscrição no site https://ead.mpt.mp.br/.

Temas

O objetivo do curso é sensibilizar e nivelar o conhecimento dos participantes sobre as questões referentes ao combate à exploração do trabalho infantil.

Entre os tópicos abordados estão: identificação do que é trabalho infantil e quais são as atividades que compõem a lista TIP (piores formas de trabalho infantil); reconhecimento de situações de trabalho infantil que requerem o acionamento de um membro do MPT, entre outros.

Com carga horária de 20 horas/aula, o curso oferecerá certificado aos participantes que efetivarem inscrição conforme descrito no edital e que obtiverem nota mínima de 75% do total do curso.

Fonte: MPT

Imprimir

  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • meio ambiente
  • trabalho escravo
  • trabalho portuario
  • liberdade sindical
  • promocao igualdade
  • trabalho infantil