• Miniatura
  • denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • MPT contempla alunos de mais uma Escola da rede pública de ensino com kits escolares
  • banner grande uirapuru
  • BUSDOOR-FACE

MPT contempla alunos de mais uma Escola da rede pública de ensino com kits escolares

Cartilhas do projeto de combate ao trabalho infantil integram kits de materiais que visam oportunizar aos estudantes do ensino fundamental desenvolverem atividades e dinâmicas em grupo. 

 

 

Cartilhas do projeto MPT na Escola integra kits dos materiais escolares doados à Escola
Cartilhas do projeto MPT na Escola integra kits dos materiais escolares doados à Escola

Porto Velho/RO – Alunos de mais uma Escola da rede pública de ensino no Município de Porto Velho são contemplados com a destinação de material escolar que vão permitir aos estudantes desenvolverem atividades como dinâmicas e trabalho em grupo. A escola beneficiada é a Risoleta Neves, localizada na rua Edith Feitosa, 8158, no Bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Porto Velho. 

O material escolar foi obtido pelo Ministério Público do Trabalho que converteu multa aplicada a uma empresa local, autuada por não cumprir obrigações trabalhistas. A entrega do material foi feito à direção da Escola pelo Procurador do Trabalho ÉLCIO DE SOUSA ARAÚJO, titular do 3º Ofício Geral da Procuradoria Regional do Trabalho, em Porto Velho. 

Em nome da Escola Risoleta Neves recebeu o material a vice-diretora Mariana Mesquita Bastos Cruz. No total foram entregues pelo MPT 104 (centro e quatro) kits escolares contendo, cada um, cartilhas sobre o combate ao trabalho infantil, 2 cadernos, 1 caixa de lápis de cor, 2 lápis preto, 1 borracha, 1 régua, e 1 apontador.  

À secretaria da Escola foram destinados, ainda, 10 cadernos, 144 lápis grafite pretos, 120 apontadores, 70 réguas e cartilhas sobre o combate do trabalho infantil, para uso coletivo dos alunos.

Em nome de professores e alunos da Escola Risoleta Neves a vice-diretora, Mariana Mesquita Bastos Cruz, agradeceu ao MPT, na pessoa do procurador do Trabalho Élcio de Sousa Araújo, pelo material escolar recebido, o qual, segundo explicou, chega em boa hora, pois nessa época do ano (segundo semestre letivo) cadernos, lápis e outros materiais utilizados nos estudos precisam ser renovados. 

Fonte: MPT/RO e AC. 

Assessoria de Comunicação Social

 

Siga o MPT nas mídias sociais

Cartilhas do projeto de combate ao trabalho infantil integram kits de materiais que visam oportunizar aos estudantes do ensino fundamental desenvolverem atividades e dinâmicas em grupo.
Porto Velho/RO – Alunos de mais uma Escola da rede pública no Município de Porto Velho são contemplados com a destinação de material escolar que vão permitir aos estudantes desenvolver atividades como dinâmicas e trabalho em grupo. A escola beneficiada é a Risoleta Neves, localizada na rua Edith Feitosa, 8158, no Bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Porto Velho. 
O material escolar foi obtido pelo Ministério Público do Trabalho que converteu multa aplicada a uma empresa local, autuada por não cumprir obrigações trabalhistas. A entrega do material foi feito à direção da Escola pelo Procurador do Trabalho ÉLCIO DE SOUSA ARAÚJO, titular do 3º Ofício Geral da Procuradoria Regional do Trabalho, em Porto Velho, 
Em nome da Escola Risoleta Neves recebeu o material a vice-diretora Mariana Mesquita Bastos Cruz. No total foram entregues pelo MPT 104 (centro e quatro) kits escolares contendo, cada um, cartilhas sobre o combate ao trabalho infantil, 2 cadernos, 1 caixa de lápis de cor, 2 lápis preto, 1 borracha, 1 régua, e 1 apontador. 
À secretaria da Escola foi destinado ainda 10 cadernos, 144 lápis grafite pretos, 120 apontadores, 70 réguas e cartilhas sobre o combate do trabalho infantil, para uso coletivo dos alunos.
Em nome de professores e alunos da Escola, a vice-diretora  Mariana Mesquita Bastos Cruz agradeceu ao MPT, na pessoa do procurador do Trabalho Élcio de Sousa Araújo, pelo material escolar recebido, que, segundo explicou, chega em boa hora, pois essa época do ano, (segundo semestre letivo) cadernos, lápis e outros materiais utilizados nos estudos precisam ser renovados”. 
Fonte: MPT/RO e AC Assessoria de Comunicação Social Siga o MPT nas mídias sociais

 

Imprimir

  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • meio ambiente
  • trabalho escravo
  • trabalho portuario
  • liberdade sindical
  • promocao igualdade
  • trabalho infantil